LOGO-2018

O Departamento de Eventos

Esse departamento tem por responsabilidade promover as festividades especiais, gerais e principais das ADJM na igreja matriz, assessorar os departamentos das sedes regionais e das filiais na realização de suas festas, fomentando a sua integração, louvando a Deus pelas bênçãos e vitórias alcançadas.

As festas gerais e principais são o aniversário de fundação das ADJM e o de administração pastoral, ambas no mês de setembro constantes da agenda geral das ADJM.

As festas especiais são as que comemoram o aniversário do pastor presidente e o da sua esposa nos meses de seus nascimentos; as datas específicas como o dia da Escola Bíblica Semanal (4º dom/jan), da fundação das Assembleias de Deus (18/06), do pastor (2° dom/junho), dia da bíblia (2° dom/dezembro); encontros estaduais e nacionais dos obreiros das ADJM, além daquelas também comemoradas pela sociedade, tais como: dia das mães, pais, etc. Estas duas últimas são realizadas em conjunto com o departamento feminino.

O coordenador geral desse departamento deve entregar ou enviar as cartas-convites padronizadas com antecedência para que os envolvidos possam se preparar para participar do evento, mantendo contato telefônico e através de outros meios de comunicação com todos os dirigentes das sedes regionais e das filiais e com os coordenadores dos departamentos visando o sucesso da festividade ou ainda, recomendando a menção (no mínimo se deve orar) ou comemoração nas respectivas congregações.

As pessoas ou os conjuntos que forem se apresentar nas festas especiais, gerais e principais, devem se inscrever com antecedência para uma perfeita harmonia na programação, não sendo permitidas as participações de última hora.

Se a participação na festa for por setor, é vedada a participação individual.

Cada participante deve ter uma cópia do programa de culto, para saber a hora de sua apresentação. Isso deve ser feito com antecedência, forçando dessa maneira, o cumprimento do horário. Deve-se levar em conta a distância entre a filial e a matriz, para não sobrecarregar ninguém. Claro está que esse conceito não se aplica aos membros da igreja sede.

Os responsáveis por este departamento devem ler e pesquisar literatura sobre organização de festas, participar de cursos e eventos buscando uma formação mais técnica.

Devem elaborar o material didático baseado no conhecimento adquirido e na experiência pessoal, adequando-o à realidade e cultura das ADJM para ministrarem cursos aos diretores e líderes de eventos e para outros responsáveis de departamentos na igreja matriz, nas sedes regionais, filiais e para os demais interessados.

Devem conhecer ainda as comissões para as festividades, as quais constam do manual litúrgico.

A entrega dos presentes, quando houver, ocorrerá no momento das homenagens, antes do final do culto e da bênção pastoral conforme combinado com o coordenador responsável do evento, fazendo todos, ao final, uma oração pelo homenageado, que agradecerá no momento de suas palavras.

Deve haver o cuidado de não se passar a mensagem subliminar de que o principal objetivo é o presente em vez da gratidão ao Senhor pelas bênçãos alcançadas.
Os coordenadores desse departamento devem ainda envidar todos os esforços para uma participação maciça de toda a membresia. A vitória é do Campo Ministerial e de todos os envolvidos.