“Faze-me saber os teus caminhos, Senhor; ensina-me as tuas veredas (Salmos 25:4).

O verso inicia com uma referência sobre o que é a oração. Quando oramos elevamos a nossa alma, saímos do mundo físico, temporal e entramos no transcendental e na presença do Eterno.
O pedido do salmista consistia nessa realidade. A princípio ele conhecia somente a realidade que estava diante de seus olhos e em oração pediu ao Senhor que lhe ensinasse Seus caminhos e Suas veredas. Existe uma vontade humilde, um desejo fervoroso de conhecer, de experimentar, de andar nesses caminhos e nas veredas atemporais do Altíssimo.

E é diante da oração humilde, do fervor espiritual e, da submissão a Deus que Ele nos abre as comportas do poder que somente a oração produz. O segredo do Senhor é com aqueles que Lhe obedecem (Sl 25:14), ou seja, os que reconhecem suas fragilidades. Com esses Deus tem prazer em compartilhar seus “mistérios insondáveis”.

“Agora, pois, se tenho achado graça aos teus olhos, rogo-te que me faças saber o teu caminho, e conhecer-te-ei, para que ache graça aos teus olhos; e considera que esta nação é o teu povo.(Êx 33:13)”.

Moisés é um exemplo daquele que orou pedindo ao Senhor que lhe revelasse o Seu caminho, Seus propósitos e em resposta, Deus se revelou a ele de maneira tão intensa e poderosa que não só lhe deu estratégias para guiar o povo, mas desenvolveu uma intimidade tão profunda que com o homem Moisés, e, Deus passou a falar face a face, em outras palavras, se portou como alguém que fala com o seu amigo (Êx 33:11).

“A teu servo, pois, dá um coração entendido para julgar o teu povo, para que prudentemente discirna entre o bem e o mal; porque quem poderia julgar a este tão grande povo”?(I Reis 3:9).

Já em sua oração, Salomão pediu a Deus “sabedoria” para compreender as coisas que estavam acima de suas possibilidades humanas, e Deus se agradou da oração de seu servo e resolveu conceder até o que Salomão não havia pedido (IReis 3:13).

Salomão entendeu a isso e escreveu em Provérbios 3:5-6 – “Confia no Senhor de todo o seu coração e não se apoie em seu próprio entendimento; reconheça o Senhor em todos os seus caminhos, e ele endireitará as suas veredas”. (Pv 3:5-6).

Entendamos, não somos poderosos, nem temos condições de fazer as coisas acontecerem, de trazer a realidade as coisas que não existem, mas se apresentamos àquelas diante de Deus, através da oração, o que não existia, passa a existir e o Senhor transforma em realidade o desejo de nosso coração, quando aquilo pelo qual oramos está alinhado a Sua vontade.

Ainda, no Livro de I Samuel nos primeiros capítulos a Bíblia narra a história de Ana, uma mulher que vivia amargurada por conta de sua esterilidade e pelas constantes provocações de Penina, (segunda esposa de Elcana). Ela então resolve se derramar em oração diante do Senhor, ano após ano. A princípio sua oração estava condicionada apenas a humilhação sofrida, as provocações da rival, mas, Deus ensina Ana a perseverar em oração até ela tornar-se sensível ao Seu propósito.

Ana queria um filho, Deus queria um profeta. Ana queria um filho, Deus queria um sacerdote.
Ana queria um filho, Deus queria um juiz.

A Bíblia revela que no momento em que Ana muda o sentido de sua oração e a torna alinhada com a vontade de Deus, sua oração é atendida.

I Samuel 1:19 – “E sucedeu que, passado algum tempo, Ana concebeu, e deu à luz um filho, ao qual chamou Samuel; porque, dizia ela, o tenho pedido ao Senhor”.

Ana “entrega” o seu filho para o serviço do Senhor, o filho por quem ela perseverantemente orarava, e Deus visita Ana novamente lhe concedendo o privilégio de ser mãe de três filhos e duas filhas (ISm 2:21).

Verdadeiramente podemos compreender que enquanto estamos orando, Deus nos responde e o Seu poder é manifesto através de nossas vidas.

Ev. Paulo César (UE-Antonio Bezerra)

Deus nos abençoe.

2 Replies to “SEGREDOS DA ORAÇÃO

  • Lucas de Cristo
    Lucas de Cristo
    Reply

    Que palavra maravilhosa da parte de Deus

  • Valdeir
    Valdeir
    Reply

    Paz do Senhor, bom dia. Incrível como as nossas vontades em consonância com as de Deus, faz um trabalhar lindo na vida do homem. Somos felizes quando aprendemos a orar e pedir o que Deus quer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.