c
Leitura bíblica: Marcos 9:24
Versos 14,15,16 – Quando Jesus volta com os três discípulos do monte da transfiguração encontra os outros nove discutindo acerca de questões religiosas com alguns escribas. Quando Jesus chega toda a atenção é voltada para ele, e imediatamente cessa toda a discussão.
Quantas situações impossíveis temos diante de nós agora: uma cura, uma conversão, uma enfermidade, uma divida, falta de perdão, agressividade…
errais não conhecendo as escrituras e o seu poder ( falta intimidade ).
Não existe benção se não houver intimidade, comunhão e relacionamento com Jesus e com a sua palavra.
Saiu do meio da discussão religiosa e aproximou-se de Cristo.
estava diante da fonte da vida.
Verso 19
Jesus estava agora falando não para o pai do menino mas para os religiosos incrédulos :
Aqueles que falam muito de Jesus mas que na verdade não o conhecem na pratica.
Nunca sentiram a presença do Senhor e a benção do seu santo espirito.
Eu morri e ressuscitei e vocês ainda não acreditam em mim?
verso 20
Diante da presença do Senhor o demônio se manifestou.
verso 21
Jesus antes de curar o garoto queria tratar o pai, restaurar a sua fé.
Perseverança gera fé e fé produz milagre.
através da pergunta de Jesus o pai do menino abriu o seu coração e se derramou diante do salvador.
Jesus nos conhece no nosso intimo, mas Deus quer ouvir de dentro de nós a nossa sinceridade, os nossos pecados íntimos e reincidentes. 
 
verso 22
Existia dentro daquele pai perseverança, mas lhe faltava o ingrediente principal: A FÉ
Se tu podes alguma coisa.
 
verso 23
Jesus lhe devolve a pergunta: Se tu podes?
Não se testa do que Jesus pode fazer, mas do quanto eu creio no poder de Deus e na sua palavra.
tudo é possível ao que crê.
 
verso 24
Ele ( o pai do menino clamando com lagrimas:
O clamor aumenta a fé, o milagre estava acontecendo, a benção tinha chegado.
 
o pai do menino entendeu que até para ele ter fé, ele precisa desesperadamente de Cristo Jesus.
Ajuda-me a vencer a minha falta de fé.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.